FANDOM


Steven Universe

Esta página é uma transcrição finalizada do episódio "Clube do Horror".
Não edite esta página, a menos que você encontre algum erro gramatical ou descrição incorreta.
No caso de outros tipos de mudança, por favor entre em contato com a administração.

(O episódio começa com Lars trancando as portas do fundo do Big Rosquinha)
Lars: Sadie, sai logo, senão eu vou te trancar aí!
Sadie: Tá, espera só um minuto!
(Lars descansa encostado na parede, Steven aparece de repente e acaba assustando Lars)
Steven: Não se assusta tanto, sou apenas eu! Eu tô indo agora a uma festa de filme de terror, não quer ir comigo?
Lars: Uma festa? Mas... A festa é de quem?
Steven: Do Ronaldo, da batata frita.
Lars: Ah, daquele mané toma-broa, é? Tô fora, eu tenho coisa melhor pra fazer do que ver coisa estranha com aquele bozo de Beach City... Ronaldo!
(Sadie abre a porta e sai do Big Rosquinha)
Sadie: Ah, você chegou bem na hora, Steven! Vamos indo logo para a festa do Ronaldo?
Steven: Vamos! Eu vou ficar tão assustado!
(Steven corre na direção de Sadie e para ao seu lado)
Sadie: Ah... Boa noite, Lars!
Steven: Boa noite, Lars! (Steven e Sadie começam a caminhar)
Lars: Ô, pera aí! (Neste momento, Lars corre na direção de Steven e Sadie) E aí... Onde é que é o negócio?
Steven: É bem lá em cima! (Steven aponta para o farol, enquanto a cena mostra vários espantalhos e objetos assustadores. Steven bate na porta e é recebido por Ronaldo, que veste uma fantasia de Drácula)
Ronaldo: Steven... Seja bem-vindo ao meu clube do horror de Beach City! (Ronaldo ri e é logo interrompido pela risada sarcástica de Lars)
Lars: Tá mais pra clube da comédia!
Ronaldo: Lars? Mas... (Ronaldo acaba derrubando sua máscara) Mas o que que você tá fazendo aqui, rapaz? Vocês não querem entrar? (Ronaldo dá licença para os outros passarem)
Lars: Já tô todo assustado.
Sadie: Oi, Ronaldo, não é? (Sadie passa e cumprimenta Ronaldo) Eu sou Sadie, prazer em conhecê-lo oficialmente!
(Sadie entra para o farol. Lars passa e diz "Bú", assustando Ronaldo. Ronaldo agacha para conversar com Steven)
Ronaldo: Você é amigo do Lars?
Steven: Claro que sim, todo mundo é!
Ronaldo: Hum... E essa agora!
Steven: Legal!
(Ronaldo fecha a porta e todos entram no farol)

(A cena muda para todos no farol, sentados do sofá, enquanto Ronaldo fala sobre o filme que eles irão assistir)
Ronaldo: O primeiro filme da noite é um clássico do horror, nem precisa de apresentação. Ursinhos do Mal 2: O Quase-Vivo!
Lars: O quê? Eu já vi isso, é muito chato! Esse ursinho feito pelo computador, nem dá pra acreditar que ele tá matando alguém.
Ronaldo: O quê? Computador? Blasfêmia! (Ronaldo aponta para Lars e corre para o lado da poltrona onde Lars está sentado) É que você viu o remake, eu tenho o original! Um verdadeiro fã não aceitaria menos do que isso!
(Ronaldo coloca a capa do CD sobre seu rosto, pensando que Lars iria agredir ele)
Lars: Ah, baixa essa bola, tá legal?
Sadie: Espera aí, como é que você conseguiu uma cópia? Posso ver a caixa? (Ronaldo se aproxima de Sadie e mostra a capa do CD para Sadie) Ah, nessa versão você vê mesmo o ursinho do mal comer a perna do cara! Será que não é um pouco forte pro Steven?
Steven: Ah, eu não tenho medo.
(A cena muda para todos assistindo o filme, com gritos de fundo, enquanto Steven fica de trás do sofá sem assistir à televisão)
Ronaldo: Steven, tá enxergando mesmo com o sofá na sua frente?
Ator do filme: Ah... Você está comendo... A minha perna...
Ronaldo: Perdi a parte que dá pra ver o cara do som!
(A energia do farol acaba e todos acabam se assustando)
Lars: Agora que tava bom!
Sadie: Quê que tá havendo?
Lars: É um fusível queimado.
Ronaldo: Ou talvez seja um (Ronaldo liga uma lanterna e aponta para o próprio rosto) fantasma!
Sadie: Essa foi boa.
(Ronaldo dá uma lanterna para Sadie)
Ronaldo: É sério, e se for um "Fantasma assustador!"? (Ronaldo vai até uma gaveta de documentos) Como um cético da mortalidade, por muito tempo eu suspeitava que esse lugar fosse mal-assombrado. (Ronaldo tira da gaveta uma pequena bola com um furo no meio, amarrada em um pequeno laço) Espírito, eu te invoco!
Lars: Aí, pode ir parando com essa palhaçada!
Ronaldo: Nós desejamos fazer contato! Por favor, espírito, envie-nos um sinal! (Ronaldo fica entre Sadie e Steven, ergue as mãos com o objeto e o ilumina com uma lanterna. O objeto começa a balançar, surpreendendo a todos. O objeto voa da mão de Ronaldo e acerta a boca de Lars) Espírito, esse foi um sinal muito bom! Dá pra enviar mais alguns só pra gente ter certeza? (Todos os papéis da gaveta de documento saem dela e começam a rodear a todos) Já tá bom, espírito, dá pra diminuir a força um pouquinho? (Uma caneca com café quase acerta a perna de Ronaldo e Steven)
Sadie: Como isso tá acontecendo?
Steven: Isso é impressionante! Uma casa assombrada de verdade! (Steven quase é acertado por uma cadeira, ele acaba sendo salvo por Ronaldo, que o segura no colo. Outra caneca quase golpeia Lars, que é salvo por Sadie)
Sadie: Vamos sair daqui agora!
(Ronaldo tenta abrir a porta, mas o "espírito" acaba a trancando)
Ronaldo: Ela não quer abrir!(Os quatro arrombam a porta. Os pedaços da porta retornam à ser uma porta comum) Desculpa, galera. Eu não fazia ideia de que havia uma presença tão violenta aqui!
Steven: Ah, isso acontece!
Lars: Não acontece não! Isso não é um fantasma!
Sadie: Não interessa o que é! Vamos sair logo daqui!
(Sadie sai na frente, descendo as escadas junto à Ronaldo)
Ronaldo: Olha, já faz tempo que eu ligo com esse tipo de coisa regularmente, mas, você mandou muito bem agora.
Sadie: É?
Ronaldo: É! Você assumiu o controle!
Sadie: Quando a coisa fica esquisita, eu só olho e ando pra frente, sabe?
Ronaldo: Quando os civis estiverem salvos, eu vou voltar lá pra investigar, se quiser me ajudar...
Steven: Tá com algum problema, Lars? (Lars tapa a boca de Steven, para que ele não acabe chamando atenção de Ronaldo e Sadie)
Lars: Shhhh!
Sadie: O que que é isso?
Lars: Não é nada! A gente fica vendo coisas, ouvindo coisas, sentindo coisas que não existem! (Lars fala enquanto corre da escada, que acaba empurrando Steven. Ao terminar sua frase, acaba sendo golpeado pela porta, que abre e acaba dando passagem para espantalhos, aparentemente sendo usados pelo "espírito". Sadie e Ronaldo tentam bloquear a passagem, mas um espantalho acaba entrando e correndo na direção de Lars, que é salvo por Steven. Steven joga o espantalho para o lado de fora do Farol e Sadie e Ronaldo fecham a porta)


Sadie: Você já viu alguma assombração assim?
Ronaldo: Essa aqui não é uma assombração comum... Isso é um poltergeist! Um fantasma só assombra casas. Um poltergeist assombra UMA pessoa, e geralmente são atraídos pelo mundinho terrível dos emocionalmente pertubados! (Ronaldo aponta a lanterna para Lars, enquanto todos olham para ele)
Lars: Acham que essa coisa veio atrás de mim? Por que vocês escutam esse maluco? Ele praticamente mora numa casa mal-assombrada, vocês não acham que ele tem alguma coisa a ver com isso?
Steven: O que eu acho é que você tem que parar de agir desse jeito com o Ronaldo, viu?
(Lars se irrita e corre na direção de Sadie, agarrando os ombros dela)
Lars: Sadie, você não é idiota! Você acredita nessa coisa toda?
Sadie: Eu...
Lars:Ah, pera aí, de algum modo esses caras tão fazendo isso. A gente tem que largar esses caras!
(Sadie se afasta de Lars)
Sadie: Eu não vou largar ninguém.
Lars: Mas e quanto a mim, hein? (O chão do farol se abre e acaba engolindo Sadie) Por favor, você sempre foi... (Enquanto Sadie cai, Lars tenta salvar ela, mas sem sucesso) Sadie...
Ronaldo: O espírito a levou! Você vai arrastar todos nós com você e nem tá ligando!
(São ouvidos gritos, uma passagem para o porão do farol é aberta, liberando uma pequena poeira)
Ronaldo: Galera, o porão!

(Ronaldo, Steven e Lars descem para o porão do Farol. Onde podem-se ver apenas luzes vermelhas, que não chegam a iluminar o porão todo)
Lars: Não vejo ela em lugar nenhum!
Ronaldo: Espírito, mostre-se!
Steven: Está perto, eu tô sentindo! Tá magoado e obcecado.
(Um barulho é ouvido vindo da parede. É mostrado algo parecido com o "coração" do farol, que pulsa e tem o nome Lars marcado em seu centro)
Lars: Lars?
Ronaldo: Devia ter sido você!
Lars: Quê?
Ronaldo: Ele a levou, mas deveria ter sido você, Lars!
Steven: Ei, espera aí, Ronaldo!
(O coração do Farol começa a crescer e desenvolve uma boca. Ronaldo segura Lars e ameaça o jogar dentro da boca do espírito)
Ronaldo: Espírito, eu te entrego o pacote das trevas! Devolva-nos a inocente Sadie!
Lars: Ô, pera aí cara, nós éramos amigos!
Ronaldo: E você me rejeitou! (Ronaldo joga Lars dentro da boca da criatura)
Steven: Lars! (Steven corre na direção da boca da criatura)
Ronaldo: Não, Steven, ele não vale a pena!
(Steven alcança Lars e tenta o salvar)
Lars: Por que todo de ruim acontece comigo? (Um cano acaba quebrando e soltando vapor, a língua da criatura empurra a cabeça de Lars e Steven, tentando esmagá-los com os dentes. Steven cria uma bolha protetora e usa toda sua força para partir os dentes da criatura. A criatura explode em fumaças e Lars e Steven saem à salvo. Sadie consegue sair dos pedaços de madeira junto com uma Pedra Gem)
Lars, Steven e Ronaldo: Sadie!
Steven: É uma Gem! (A Pedra Gem emite um holograma mostrando Lars e Ronaldo no passado)
 (Continuação em breve)
Pequeno Ronaldo: Este é o local perfeito para o "Clube de Exploração de Beach City"!
Pequeno Lars: Clube secreto, né, Ronny? (O pequeno Lars faz uma brincadeira com sua boca, que acaba por divertir o pequeno Ronaldo e Steven, que está assistindo o holograma. Lars, envergonhando, acaba sentando no chão do porão)
Pequeno Ronaldo: Lars, você é o máximo! Ei, cara! (O pequeno Ronaldo pega uma câmera e vê o que Lars está fazendo)
Pequeno Lars: Estou escrevendo nossos nomes, bem legal, não acha? (O pequeno Lars escreve seu nome na parede com uma chave de fenda. Um barulho é ouvido da parede)
Pequeno Ronaldo: Estranho... (A tábua que Lars estava escrevendo o golpeia e Ronaldo tira uma foto do momento) Ai meu Deus! Esse lugar tá possuído! (O pequeno Ronaldo corre na direção de Lars e fala com ele) Lars, Lars! Amanhã, em todos os programas de TV, essa foto vai ser mostrada! (O pequeno Ronaldo mostra a foto que ele havia acabado de tirar, onde o pequeno Lars está sendo golpeado pela tábua de madeira)
Pequeno Lars: Mas, Ronny, cê tinha dito que ia ser um segredo!
Pequeno Ronaldo: Nossa primeira descoberta paranormal! Vamos dominar o mundo juntos, amigão!
Pequeno Lars: Er... Deixa eu só... Eu... Tenho que... É... (O pequeno Lars despedaça a foto)
Pequeno Ronaldo: Não! O que cê tá fazendo? Não, não, não, não, não!
Pequeno Lars: Eu só tô me tirando da foto.
Pequeno Ronaldo: Para! (O pequeno Ronaldo pega o último pedaço de papel da mão do pequeno Lars)
Pequeno Lars: Ah, qualé, Ronny! Eu não posso deixar as pessoas me verem assim.
Pequeno Ronaldo: O quê? Mas o que é que deu em você? Não sabe o quanto isso era importante pra mim? (Eles entram em briga, Ronaldo é golpeado no pé e Lars sai fugindo)
Pequeno Ronaldo: Mas por que é que você se importa tanto com o que as pessoas dizem?
Pequeno Lars: Você não diria isso se soubesse o que as pessoas dizem de você!
Pequeno Ronaldo: Lars?
(O holograma acaba. Ronaldo fica sério e Lars vira de costas para eles)
Steven: Ok, shh. Já entendi. Quando estava presa na parede, a casa era como o seu corpo e deve ter se sentindo atacada quando o Lars escreveu o nome dele em você.
Ronaldo: Posso ver isso?
Steven: Desculpa, mas deixa isso quieto. (Steven coloca a Gem em uma bolha e a manda para o Templo)
Sadie: Então quer dizer que todo esse ataque foi por ela ter se sentido ferida e presa por tanto tempo.
Lars: Eu não queria ter rasgado, tá? E podem parar de falar de mim.
Ronaldo: Pera aí, Sadie, você tá legal?
Sadie: Sim, eu tô legal.
Lars: Ah é, a gente tava preocupado. Quer dizer, fui eu que desci mais rápido, tá?
Sadie: Então vamos sair daqui?
Steven: Sadie, você pode vir comigo. Eu acho que esses dois aí tem muito mesmo pra conversar.
Sadie: Também acho.
Ronaldo: Eu não quis fazer você parecer um bobão.
Lars: Ah, o que quer que tenha feito, não me interessa!
Ronaldo: Olha aqui, Lars. Baixa um pouquinho essa bola.
(O episódio termina com a fala de Ronaldo e Lars corado com vergonha)

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória